A polícia turca deteve 11 pessoas suspeitas de roubar Bitcoins no valor de mais de US$80 mil. Isso foi relatado pela Cointelegraph com referência à edição Hürriyet.
Anteriormente, 14 pessoas entraram em contato com a polícia afirmando que suas carteiras de Bitcoin haviam sido invadidas e roubadas. O dano é estimado em 437 mil liras turcas, ou mais de US$80 mil. Supõe-se que, a fim de confundir a investigação e depois trocar as moedas por dinheiro fiat, um grupo de hackers tenha transferido as criptomoedas para várias outras contas.
Agências de aplicação da lei começaram uma investigação sobre o alegado compromisso de e-mail das vítimas, dados das carteiras e senhas. De acordo com seus resultados, no dia 26 de outubro, a Divisão de Combate ao Cibercrime, juntamente com a Divisão de Operações Especiais, deteve 11 pessoas em várias partes de Istambul.
Um dos detidos foi libertado, mas deixado sob supervisão judicial, o restante dos suspeitos foi levado sob custódia. Durante a operação, a polícia apreendeu duas carteiras de motorista falsas, 18 celulares e cartões SIM, 22 cartões de memória e outros itens.
Foi relatado que especialistas em segurança cibernética rastrearam alguns dos suspeitos quando eles entraram em suas contas nas corretoras. Outros foram rastreados ao tentar retirar dinheiro através de caixas eletrônicos e nas agências bancárias.
The post Turquia: 11 suspeitos são detidos por invadir carteiras criptomonetárias appeared first on BTC Soul.